Byron Bay, Australia: Paraíso Hippie Australiano

Byron Bay, eu escolho você! Sim, quero morar neste lugar!!!

Pensa numa cidadezinha pequena, bem típica praiana, aquele clima de surf, mochileiros, jovens,  famílias, idosos, cãozineos, todos vivendo em plena harmonia?

Byron Bay fica na costa leste da Australia, clima quente e umido, com aquela caidinha de temperatuda a noite, pertinho de Brisbane, são somente cerca de 160 km, ou mais pertinho ainda de Goal Coast, somente cerca de 93 km.

Byron Bay preserva um estilo hippie, estilo anos 70, sim, sou “véia” e amei isso. Me senti no meu lugar! Byron Bay ficou famosa e cheia de surfistas quando eles descobriram as ondas perfeitas de The PassBroken Head

A cidade fica localizada num ponto estratégico, que para nós brasileiros, acaba se tornando especial: Cabo Byron é o ponto australiano mais próximo das américas, estar ali para mim significou estar mais próximo da minha família e amigos, parece que se você nadar um “tiquinho”, já estará chegando lá no Brasil. Este ponto também merece uma caminhada ao entardecer, até o farol Cape Bayron, um cafézinho e como recompensa você verá um espetácular pôr do sol.

Byron também te proporciona uma vida noturna até que agitada (se tratando de Austrália, onde tudo fecha as 10 pm), você tem várias opções de barzinhos e restaurantes, mas um obrigatório, com musica ao vivo e uma galera super animada, é o The Railway , lá não deixe de provar a cerveja Stone Wood, uma delicia local!

Se você fizer como nós e alugar um carro, na saída ou na chegada à Byron Bay, vindo de Gold Coast, passe pelo chamoso e acolhedor restaurante The Farm, lá você também irá provar a Stone Wood e pratos delicioso. Além de estar numa fazenda de verdade, curtindo a natureza das montanhas (e não das praias, que logo logo viram!)

Neste mapinha te mostro a “grande” Byron Bay, então se você é do tipo “explorador de praias” eu te digo: visite todas! Eu não consegui escolher minha favorita, já que todas possuem uma beleza diferente!

Belongil Beach, com um mar calmo, é ótimo para quem curte snorkel, é possível até ver o navio naufragado SS Wollongbar, de 1921. Roupas de banho são opicionais em algumas partes da praia! Viva a “peladeza”! hahaha

Main Beach é a praia principal de Byron, ela fica em frente ao centrinho da cidade, dominada por surfistas, e com uma comissão de lindos (e lindas) salva-vidas que embelezam ainda mais a praia. Mas cuidado, porque as águas ali são perigosas, banhistas só podem nadar nas áreas demarcadas.

The Pass, a mais lotada de surfistas, com ondas lindas, uma faixa de area larga e um deck de madeira, conhecido como The Fisherman Lookout, que te possibilita uma vista previlegiada e fotos lindas. Desta praia também saem os barcos para mergulho.

Watego’s Beach e Little Watego’s Beach, são praias relativamente pequenas, cheia de pedrinhas na area. Elas abrigam muitas famílias fazendo churrasco nas churrasqueiras públicas ao redor da praia e rola um topless bacaninha por lá!

IMG_2248

Cosy Corner é uma delicia de praia! Acaba sendo mais deserta pois fica dentro do Arakwal National Park e para acessá-la você precisa caminhar um tanto, ou pagar estacionamento para seu carro. Do farol, você consegue ver toda a Cosy Corner, mas cuidado com o surf, um morador me disse que vários surfistas já encerraram a carreira por ali, pois as ondas são bem perigosas. Mas se você for um cara de sorte, consegue ver golfinhos bem próximo da areia pela manhãzinha. Não se assute em dar um mergulho e dar de cara com um deles brincando por ali. Uma fofurisse só!

Tallow Beach, continuação de Cosy Corner, dizem ser a mais linda de Byron (ela é linda mesmo), possui uma faixa de areia gigante, ela é mais deserta (pois também está próxima ao Arakwak National Park) é mais dificil o acesso, uma vez que você precisa acessá-la por trilhas no meio do mato – aqui encontramos cangurus saltitantes felizes e também levamos um “baita” susto vendo uma cobra marrom, pronta para dar o bote, na trilha de caminhada, ela estava bem do nosso ladinho – segundo uma moradora, esta cor de cobra não é venenosa).

Depois você chega em Broken Head, a última praia de Byron (que já nem faz mais parte da cidade). Mas se você é surfista, vale super a pena visitar, pois ela é um pico do surf!

Além destas praias, você também pode visitar The Wrech (ponto de surf formado por causa do naufrágio que contei acima) e Clarkes Beach (ideal para windsurfing e paragliding, pois venta muito, e para banhistas não é muito legal), que acabei as excluindo por falta de afinidade hahaha.

Ah, não deixe de tomar café da manhã no charmoso café The Top Shop, eu amei o Muffin  – a louca do muffin.

Byron Bay oferece um leque gigante de hostels e também muitas acomodações pelo Airbnb, senhorinhas ex-hippies cheias de boas histórias para contar vão te hospedar muito bem localizados por cerca de AU$70 a diária.

Ah, só não moro em Byron Bay porque a cidade não oferece muitas vagas de trabalho (e a “rentí” tem que trabalhar né meu povo) além disso, a cidade é praticamente turistica e por isso possui um custo de vida mais elevado. Mas quem sabe um dia não é!?

Para ver mais fotos, visite o Instagram.

Até a próxima viagem, fiquem com Deus

Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s